Buscar

Treinamento físico para crianças: o que a ciência sugere?

Não faz muito tempo que se considerava o treinamento físico sistemático algo contra os princípios da infância e da adolescência. Alguém já ouviu que o treinamento poderia prejudicar o crescimento das crianças?



Pois bem, este pensamento já foi diluído pela ciência ao longo dos anos. Há muitas recomendações que jovens e crianças com idade escolar participem de atividade física diária de moderada a intensa. O treinamento físico regular é essencial não somente para o crescimento/desenvolvimento normal e saudável da criança bem como para a aquisição de um estilo de vida saudável na vida adulta, longe do sedentarismo, reduzindo a incidência de doenças crônicas ao longo da vida. Além dos exercícios aeróbios como natação, andar de bicicleta e atividades esportivas, as pesquisas têm indicado inclusive o treinamento de força/potência para crianças e adolescentes, obviamente quando devidamente prescrito e supervisionado!


Em 2009, a “National Strength and Conditioning Association” publicou um posicionamento encorajando totalmente a prática de exercício físico sistemático de força e cardiorrespiratórios nessa etapa da vida. Chamando a atenção para 7 tópicos:


  • Um programa supervisionado de treinamento é muito seguro para crianças e adolescentes;

  • Um programa supervisionado de treinamento de força desenvolve de forma importante a força e a potência de crianças e adolescentes;

  • Um programa supervisionado de treinamento de força melhora o perfil cardiovascular de crianças e adolescentes;

  • Um programa supervisionado de treinamento de força melhora o desempenho motor e contribui para o desempenho esportivo de crianças e adolescentes;

  • Um programa supervisionado de treinamento de força reduz a incidência de lesões na prática esportiva de crianças e adolescentes;

  • Um programa supervisionado de treinamento aumenta o bem estar psicossocial de crianças e adolescentes;

  • Um programa supervisionado de treinamento desenvolve hábitos saudáveis na rotina de crianças e adolescentes.



Referência:

Faigenbaum AD, Kraemer WJ, Blimkie CJ, Jeffreys I, Micheli LJ, Nitka M, Rowland TW. Youth resistance training: updated position statement paper from the national strength and conditioning association. J Strength Cond Res. 2009 Aug;23(5 Suppl):S60-79.

31 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook Team Villeroy
  • Instagram Team Villeroy
  • Linkedin Team Villeroy
  • YouTube Team Villeroy
  • Twitter Team Villeroy

2018 - Team Villeroy

  • Facebook Team Villeroy
  • Instagram Team Villeroy